Grupo de Estudos em Sociologia da Propriedade Intelectual


Sobre o GESPI | Linhas de Pesquisa | Links e Contato

Bem vindo(a) ao GESPI.org

Agradecemos por conhecer o GESPI.org, endereço virtual para informes gerais do Grupo de Estudos em Sociologia da Propriedade Intelectual - para além dos dados constantes no DGP/CNPq (ver espelho).

Sobre o GESPI

Idealizado e liderado pelo professor João Ademar de Andrade Lima, o GESPI é um grupo de estudos baseado no Centro Universitário UNIFACISA, cadastrado no Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq e certificado pela Universidade Federal de Campina Grande. Conta com a participação de pesquisadores da Universidade Estadual da Paraíba, da Fundação Pedro Américo e outras instituições.
Como eixos teóricos de estudo delineados de forma multidisciplinar, atribuindo-se enquanto subárea sociológica das Ciências Sociais, o GESPI promove debates acerca do papel dos direitos de proteção autoral e industrial na sociedade moderna, especialmente diante de novas hermenêuticas surgidas a partir da revisitação sócio-cultural de conceitos técnico-jurídicos clássicos, em razão das mudanças político-econômicas advindas, sobretudo, da expansão das Tecnologias de Informação e Comunicação e, delas, todo arcabouço criativo coletivizado às expensas da chamada “Sociedade do Compartilhamento”, fruto da “Sociedade em Rede”.
Propõe, também, repensar os conceitos de apropriação das criações coletivas, em face de manifestações econômico-culturais tradicionais, como o artesanato, a arte de rua ou a literatura de cordel e, ademais, alcançar as circunstâncias desenvolvimentistas relacionadas a um eficaz modelo de gestão da propriedade intelectual em nível regional.

Linhas de pesquisa

1. Biotecnologia e Propriedade Intelectual

Objetiva desenvolver discussões do entorno da proteção à biodiversidade e àquelas relacionas aos Organismos Geneticamente Modificados (OGM), abarcando elementos da bioengenharia, da biosegurança, da bioética, da biopatente. Inclui discussões sobre: propriedade intelectual na indústria de alimentos e na indústria farmacêutica, propriedade intelectual e biomateriais, propriedade intelectual e saúde pública.

2. Estudos Culturais, Direito e Literatura

Tem por finalidade discutir a contribuição da literatura, enquanto autêntico observatório social para a transmissão da cultura jurídica e, ainda, para que se compreendam os interesses, os valores, as contradições e os conflitos que legitimam ou reivindicam o Direito. Objetiva também estudar as distintas perspectivas de abordagens entre esse dois canteiros do saber: o Direito da Literatura, o Direito como literatura e o Direito na literatura.

3. Filosofia do Direito, Ética e Estética da Propriedade Intelectual

Propõe discutir as relações da Filosofia do Direito com a Ética, perpassando pela moral, ética filosófica e a importância da Ética na Pesquisa no campo da Propriedade Intelectual. Inclui, sob as regras da Filosofia da Arte, a estética da criação intelectual humana e, pelas regras do Direito positivo, o que é (e como é) apropriável em matéria de produção artística e técnica. Visa também estudar o “plágio” e as questões político-econômicas advindas da ausência de relações éticas na pesquisa acadêmica.

4. Metafísica e Propriedade Intelectual

Visa ao debate de questões metafísicas e, pois, transcendentes à experiência sensível, relacionadas a criações intelectuais não particularmente conceituadas e apropriadas pelas regras habituais da Propriedade Intelectual, caracterizadas por uma criatividade não intencional, como aquelas advindas da psicografia e de transtornos psicóticos como o transe e a possessão.

5. Propriedade Intelectual, Empreendedorismo Inovador e Desenvolvimento Regional

Tem o objetivo de desenvolver estudos sobre as relações existentes entre o monopólio econômico juridicamente garantido pela propriedade intelectual e o desenvolvimento regional decorrente, abarcando: gestão da propriedade intelectual, economia da propriedade intelectual, empreendedorismo e economia criativa.

6. Propriedade Intelectual na Sociedade da Informação, Mídia e Educação

Objetiva investigar os (des)usos dos diversos elementos constantes do grande universo da propriedade intelectual nos mais variados veículos midiáticos, quer sob o viés noticioso, quer sob o foco educomunicacional, com foco, em especial, nas relações existentes entre tecnologias da informação e comunicação, cultura do compartilhamento, acesso livre à informação, ciberativismo, copyleft e as novas formas de se pensar e “remixar” a propriedade intelectual. Abarca: movimento software livre, REA e pirataria virtual.

7. Propriedade Intelectual, Recursos Naturais, Conhecimentos Tradicionais e Patrimônio

Foca em discussões sobre as relações existentes entre as criações intelectuais individualizadas e aquelas advindas das manifestações coletivizadas em razão de cultura e meio ambiente, abarcando: propriedade intelectual dos recursos naturais, propriedade intelectual nas comunidades tradicionais e indígenas, patrimônio cultural.

Links e Contato

Textos de Referência (via Dropbox)
Facebook Perfil e Grupo
contato@gespi.org



Licença Creative Commons
Grupo de Estudos em Sociologia da Propriedade Intelectual via GESPI.org está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Sobre o GESPI | Linhas de Pesquisa | Links e Contato